CRISE ATINGE 89,5% DOS BRASILEIROS; A CORRUPÇÃO É O MAIOR PROBLEMA NACIONAL, DIZ PESQUISA

12.4.16 Simone Galib 0 Comments


  A crise afeta de forma significativa a vida dos brasileiros e todos os setores da economia. Para 78,6%, o grande problema nacional hoje é a corrupção. Em segundo, vem a crise política (46,3%). E um dado importante é que 85,9% dos brasileiros foram obrigados a ajustar o orçamento doméstico.

 E, o que é pior: 44,3% dos entrevistados estão com as suas finanças descontroladas.

 A pesquisa foi feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, em todas as capitais e cidades do interior do país, para mapear o impacto da crise. E os resultados do estudo são preocupantes.

 Quatro entre dez brasileiros convivem com desemprego dentro de casa ou conhecem alguém que tenha sido demitido nos últimos seis meses ou ainda fechado o seu negócio. E hoje mais de 1/3 não se sentem seguros em seus empregos.

FORTES TEMORES

A população, segundo o estudo, revela estar assustada e insegura.
E quais seriam os principais temores em 2016?
O maior deles é não conseguir pagar suas contas básicas (48,2%, cerca da metade da amostra).
Outros 41,1% temem que o país não consiga superar a crise.
38,4% sentem receio de ter de pagar mais impostos.
34,9% têm medo de não conseguir honrar o pagamento de suas dívidas
E 32%, perder o emprego.

CORTE DE GASTOS
A pesquisa mostra uma mudança drástica no padrão de vida da população.
Os brasileiros desistiram de...
Comprar serviços ou produtos com os quais estavam acostumados (79,1%).
Viajar (75,5%).
Gastos com produtos de beleza (56,8%).
Ir à academia (25,9%)
Abandono de cursos de idioma, escolas particulares e faculdades (25,1%).

 Essa amostragem revela por que a última manifestação contra o atual governo reuniu cerca de 6 milhões de pessoas. A maioria não acredita na melhoria da economia a curto prazo. 

 Que os políticos fiquem atentos, especialmente no dia 17, quando será votado o impeachment da presidente Dilma Roussef.

 Os brasileiros nunca estiveram tão atentos!