BRASIL É O 3º LUGAR NO RANKING MUNDIAL DE FRAUDES ELETRÔNICAS

29.5.19 Simone Galib 0 Comments

      Comprar ou fazer transações pela internet é rápido, confortável e essa prática veio para ficar. Mas, os riscos ainda são grandes, especialmente no Brasil. Em 2018, 72% dos negócios online registraram prejuízos em razão de fraudes nas operações digitais.

      Os dados são da pesquisa mundial Global Identity and Fraud Report, da Serasa Experian. O Brasil aparece em 3º lugar do ranking, só perdendo para os EUA e o Reino Unido.

   As empresas também afirmam que precisam ser destinados mais tempo e recursos para neutralizar ameaças virtuais. Entre elas, 69% afirmam ter uma preocupação crescente com fraudes eletrônicas - no Brasil esse índice é de 84%. 


              7 em cada 10 negócios online no                Brasil têm aumento de prejuízo
              
    Segundo a pesquisa, os investimentos em transparência também cresceram nos últimos seis meses para 51% das empresas entrevistadas e 62% no Brasil. 

    Esses recursos visam educar consumidores sobre o uso de suas informações pessoais e auxiliar clientes a terem um controle efetivo dos seus dados.

    A| pesquisa ouviu mais de 10 mil consumidores em 21 países, que representam mais de 480 mil transações eletrônicas realizadas em 2018.

    Foram também entrevistadas mil empresas, que com receita anual média de US$ 3,4 trilhões, dos quais US$ 2,3 foram gerados por meio dos canais digitais. 







0 comentários: