MUDANÇA DE HÁBITO: 6 ENTRE 10 BRASILEIROS ESTÃO ISOLADOS, DIZ PESQUISA!

31.3.20 Simone Galib 0 Comments

      Como os brasileiros enfrentam a pandemia de coronavírus, que virou o mundo de ponta cabeça? Uma pesquisa mostra que o comportamento dos brasileiros mudou radicalmente: as pessoas estão conscientes da dimensão da crise e preocupadas!  

   A grande maioria dos brasileiros respeita a quarentena e está trabalhando em casa (6 entre 10 pessoas), além de cumprir medidas de prevenção.

   As grandes marcas que quiserem conquistar ou manter a fidelidade de seus clientes, um alerta: 90,5% dos consumidores darão preferência àquelas que façam algo relevante agora. 

  Os dados sobre as expectativas e a nova rotina de trabalho são de um levantamento da Hibou, empresa de pesquisa e monitoramento de mercado, em parceria com a plataforma de dados Indico.

   A pesquisa foi feita entre os dias 23 e 24 de março, com mais de 2,4 mil entrevistados em todo o país, 59% da capital paulista, via entrevista online. A margem de significância é de 98% e a de erro, 1,9%. 

  Vamos conhecer os principais resultados?

HOME OFFICE
  25,2% dos entrevistados dos 59,9% que estão em home office dizem que trabalham muito mais do que antes da quarentena.

  Mais de 15% dos brasileiros acredita que não sobreviverá sem faturamento nem por um mês.


ISOLAMENTO
13,57% dos brasileiros estão totalmente isolados; outros 67,90% estão se isolando e evitando contato com as pessoas.
Apenas uma minoria 1,02% continua vivendo normalmente.


SOLUÇÕES FINANCEIRAS
97,8% querem descontos nos impostos agora e pelos próximos meses
Das empresas, 94,64% gostariam que adiassem boletos e eliminassem a cobrança de juros.


SOBREVIVÊNCIA
Apenas 15,34% acreditam que seguram o negócio sem faturamento por três meses,
18,35% por um mês
26,72% não têm previsão de quanto tempo sobreviverão
14,27% quebram em menos de um mês sem faturamento


NOVOS HÁBITOS 
88,1% lavam a mão com mais frequência
86,7% evitam locais públicos
63,8% reduziram visitas a casas de amigos
60,8% evitam comer fora ou em restaurantes 
48,2% olham redes sociais para se manter informados 
13,1% usam máscaras nas ruas  

CONSUMO
A meta é conter gastos e cortar supérfluos:
23,58 dão preferência a alimentos e produtos de higiene
12,81% já estão ou estão quase no vermelho para comprar mantimentos 
21,25% continuam comprando normalmente e apenas 8,23% compram acima do normal.

COMPRAS ONLINE
80,2% só saem em caso de necessidade para comprar
10,81% compram exclusivamente pela internet

NOVOS FORMATOS
Para 74,20% dos brasileiros, nem delivery, nem take away (retira no local), nem download de produtos digitais. Nada disso atende o modelo de negócios atual.
76,12% dizem que o número de encomendas diminuiu












0 comentários: