PORNOGRAFIA INFANTIL: POLÍCIA DESCOBRE ESTÚDIO NO RIO!

15.8.20 Simone Galib 0 Comments

  Começa a ganhar fôlego o combate à pornografia infantil no país: nesta sexta-feira (14) a polícia prendeu Klaus Berno Fischer, um alemão, de 73 anos, que mantinha um estúdio para produzir vídeos e fotos com crianças, no Rio.

   Alertados pela denúncia de uma mãe, os investigadores chegaram à casa para onde eram levadas as vítimas entre 5 e 14 anos.

  No local, foram encontrados 30 mil arquivos criptografados, além de farto material infantil, como balões, doces e brinquedos, ao lado de produtos eróticos. O estúdio tinha ainda paredes falsas e cofres. Um lugar bizarro, segundo os policiais.

  Os vídeos e fotos feitos com as crianças eram vendidos na deep web (o lado obscuro da internet em que os sites de busca não acessam) para gente do mundo inteiro.  

   A polícia acredita que, além de estrelarem os vídeos, muitas vítimas podem ter sido abusadas sexualmente. Há ainda a suspeita de que Fischer esteja envolvido em turismo sexual, porque é dono de uma agência de viagens.  
  
   No momento da busca e apreensão, ele conseguiu fugir, mas foi capturado depois em um sítio na Baixada Fluminense.

   Os dados são alarmantes: entre 2011 e 2017, foram registradas cerca 1,5 milhão de notificações, segundo o Ministério da Saúde. E três crianças ou adolescentes são abusadas sexualmente a cada hora no país. A maioria desses crimes ocorre em ambiente doméstico.

   Assim, é fundamental que pais, parentes e vizinhos denunciem essas brutalidades que vão marcar a vida da criança ou do adolescente para sempre.  

  O serviço Disque 100 é o canal certo para alertar as autoridades.  

0 comentários: