COMO VER A ESTRELA DE NATAL NESTA SEGUNDA-FEIRA BRILHANDO NO CÉU!

20.12.20 Simone Galib 0 Comments

    É nesta segunda-feira, 21, a quatro dias do Natal, que a grande conjunção de Júpiter e Saturno alcançará seu ponto máximo no céu. E a gente pode ver de qualquer lugar, a partir do entardecer.

    Um ano tão diferente também termina com um fenômeno raro: um encontro entre os dois maiores planetas do nosso sistema solar, que não acontece desde a Idade Média, em 1226.

   O alinhamento entre ambos começou em 16 de dezembro e poderá ser observado a olho nu até o dia 25, desde que o céu esteja sem nuvens. 

   A grande conjunção também é conhecida como estrela de Belém, ou estrela de Natal que, na verdade, são os dois planetas alinhados.

   Segundo a NASA, os planetas regularmente parecem passar uns pelos outros no sistema solar, sendo que Júpiter e Saturno têm suas posições alinhadas a cada 20 anos.

   Mas, o que torna este espetáculo celeste tão raro?

   Já se passaram cerca de 400 anos desde que os planetas passaram tão próximos um do outro no céu.

  E quase 800 anos depois que o alinhamento de Saturno e Júpiter ocorreu à noite, como já está acontecendo em 2020, permitindo que todos ao redor do mundo presenciem a grande conjunção, diz a NASA. 

COMO OBSERVAR MELHOR?

A cada noite, os dois planetas estão aparecendo mais próximos Reprodução/NASA 

    Encontre um local com uma visão desobstruída do céu, como um campo ou parque e torça para que o céu esteja limpo. Júpiter e Saturno são brilhantes, portanto podem ser vistos até mesmo das grandes cidades.

   O melhor horário é a partir do entardecer. Uma hora depois do pôr do sol, olhe em direção a oeste (onde o sol se põe).

   Júpiter se parecerá com uma estrela brilhante e será facilmente visível. Saturno ficará um pouco mais fraco e aparecerá mais acima e à esquerda de Júpiter até 21 de dezembro, quando Júpiter o alcançará e eles inverterão suas posições no céu, explica a NASA. 

   Se você tiver binóculos ou um pequeno telescópio, poderá ver também as quatro grandes luas de Júpiter orbitando o planeta gigante.

    Vários sites vão transmitir ao vivo o fenômeno, inclusive os canais da NASA pelo YouTube, Facebook e periscope.

   Quem quiser ver pelo celular, a dica é o aplicativo Sky View, disponível em Android e IOS. 












0 comentários: