EGITO FAZ DESFILE FARAÔNICO PARA TRANSPORTAR SUAS MÚMIAS REAIS AO NOVO MUSEU DO PAÍS!

4.4.21 Simone Galib 0 Comments

    Os egípcios dificilmente vão esquecer a noite do último sábado, 3 de abril: um desfile faraônico celebrou o transporte de 22 de suas antigas múmias reais para o novo Museu Nacional da Civilização Egípcia. 

   O espetáculo, transmitido ao vivo pela TV estatal, reuniu multidões ao longo do trajeto de 7 km, que atravessou o Cairo até a planície de Gizé, onde o novo museu está sendo construído.


  Com pompa e circunstância, como no Egito Antigo, foram transportados 18 reis e quatro rainhas.

  Os restos mumificados de faraós e outras realezas foram levados, sob forte esquema de segurança, em caixas climatizadas.

   Elas foram carregadas em caminhões decorados com asas e design faraônico em uma jornada que durou uma hora, partindo da residência anterior, o antigo Museu do Cairo, no centro da capital.


   Os veículos foram projetados para se parecerem com os antigos barcos usados para transportar os faraós mortos para os seus grandes túmulos.

   

Assista ao vídeo com os melhores momentos da parada aqui



Batizado de  Pharaohs Golden Parede (Parada de Ouro dos Faraós), o espetáculo histórico foi assistido pelo mundo todo por meio de emissoras via satélite e lives nas mídias sociais.

 

    A maioria das múmias que mudaram de endereço pertence ao antigo Império Novo, que governou o Egito entre 1539 aC e 1075aC, segundo o Ministério das Antiguidades.

   Entre elas, estavam os restos mortais de Ramsés II, um dos faraós mais famosos do país, e a da rainha Hatshepsut, a única mulher faraó do Egito.

  As múmias foram enterradas originalmente há cerca de 3 mil anos em tumbas secretas no Vale dos Reis e nas proximidades de Deirel-Bahri, ambas perto da cidade de Luxor, no sul do país. As tumbas foram escavadas pela primeira vez no século 19.

   Quem assistiu ao espetáculo, com figurantes no trajeto vestidos como nos velhos tempos, se emocionou.

   Os ancestrais egípcios merecem!






0 comentários: