CASTELO DO CONDE DRÁCULA VIRA POSTO DE VACINAÇÃO NA ROMÊNIA!

9.5.21 Simone Galib 0 Comments

 
   Você se vacinaria contra o coronavírus num castelo que dizem ser mal assombrado? Pois foi o que fizeram dezenas de pessoas neste fim de semana na Romênia.

   É que o Castelo de Bran, na Transilvânia, mais conhecido como o Castelo de Drácula, foi transformado em centro de vacinação. No pôster de divulgação da campanha, seringas substituem as presas de vampiro.

 

    As presas de vampiros cheias de sangue também estão nos uniformes dos profissionais de saúde escalados para imunizar a população e turistas com vacinas da Pfizer. 

  O público pode comparecer ao castelo todos os finais de semana de maio, sem precisar marcar hora.

  A ideia do centro de vacinação foi mostrar "como as pessoas eram picadas há 500-600 anos na Europa", conta o diretor de marketing do castelo, Alexandru Priscu.

 Situado nas montanhas dos Cárpatos, na região central do país, o castelo foi associado ao príncipe romeno do século 15 Vlad Tepes, embora ele nunca tenha morado lá. 

    A associação que deu fama mundial ao castelo é atribuída ao autor de Drácula, Bran Stoker, que teria se inspirado no príncipe romeno e no castelo para escrever o romance de 1897, dando início ao gênero moderno dos vampiros.  

  Hoje, o governo da Romênia usa campanhas de vacinação em locais importantes, como o Castelo de Bran e a Biblioteca Nacional, na capital Bucareste, para imunizar os cidadãos, já que o país tem um dos mais altos índices de hesitação à vacina da Europa.

  O país registrou mais de 1 milhão de casos de covid-19 desde o início da pandemia, com cerca de 29 mil mortes.    










0 comentários: