TRUMP DIZ NÃO TER DÚVIDAS DE QUE O CORONAVÍRUS VEIO DE LABORATÓRIO!

24.5.21 Simone Galib 0 Comments

 

   O ex-presidente Donald Trump disse que agora tem poucas dúvidas de que o coronavírus se originou de um laboratório chinês.

  O comentário de Trump foi feito nesta segunda-feira (24) durante uma entrevista com Dan Bongino, da Fox Nation depois que um relatório de inteligência apontou que três cientistas chineses foram hospitalizados em novembro de 2019.

  O relatório da inteligência americana foi publicado no domingo (25) pelo Wall Street Journal, afirmando que três cientistas do laboratório foram internados com sintomas parecidos aos causados pela covid, três semanas antes de a epidemia atingir a China e paralisar o mundo.

  Desde o início da pandemia, em 2020, Trump levantava a hipótese de que o vírus havia escapulido do laboratório de virologia de Wuhan e fez duras críticas à China.

  A Fox também noticiou que o governo da Tailândia contatou o Centro de Controle de Doenças (CDC) e o escritório do virologista Tony Fauci para dizer que seu serviço de inteligência detectou anomalias biológicas no laboratório de Wuhan em 19/11/2019, mais ou menos na época que os pesquisadores do laboratório ficaram doentes.

 O relatório publicado pelo Wall Street Journal, no entanto, não informa sobre o que teria acontecido aos cientistas, nem detalhou seus diagnósticos, mas acendeu a chama para a teoria do vazamento do vírus, mais uma vez.

  Um comunicado do Departamento de Estado, divulgado cinco dias antes de Trump deixar o cargo, dizia que "o governo dos EUA tem motivos para acreditar que vários pesquisadores do laboratório de Wuhan ficaram doentes no outono de 2019, antes do primeiro caso do surto."

   Na semana passada, um grupo de 18 cientistas escreveu uma carta à Science, defendendo que a ideia merecia investigação.

   "Saber como a Covid-19 surgiu é fundamental para formar as estratégias globais e para evitar o risco de surtos futuros", disseram eles.

  O governo Biden pede que a China coopere em uma investigação transparente. "Não temos como confirmar ou negar isso", disse a secretária de Imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, quando foi indagada sobre o relatório.

   A China negou as acusações e disse que só foi informada oficialmente sobre o vírus em 30 de dezembro de 2019.

 






0 comentários: