EUA DISPONIBILIZAM US$ 350 BILHÔES PARA VACINAR CIDADÃOS HESITANTES!

30.7.21 Simone Galib 0 Comments

 

    Tornar as vacinas contra a covid-19 obrigatórias nos Estados Unidos  parecia impensável há alguns meses. Mas, o cenário mudou radicalmente com a adesão de grandes empresas, universidades e do próprio governo Biden, que vai exigir dos funcionários federais o certificado de vacinação.

  Facebook, Google e Netflix anunciaram na quarta-feira (28) que também vão exigir que seus funcionários sejam vacinados, abrindo exceções para razões médicas ou religiosas.

  Nesta quinta-feira (29), o presidente Joe Biden pediu aos governos locais que paguem às pessoas para serem vacinadas e exijam que funcionários federais apresentem comprovação da vacina ou façam testes regulares, além de sofrerem restrições de viagem.

  O Departamento do Tesouro diz que os governos estaduais, locais e territoriais dos EUA dispõem de US$ 350 bilhões para impulsionarem a vacinação, pagando US$ 100 (R$ 500) a cada americano recém-vacinado.

MEDIDAS EXTREMAS 

  Embora tenham vacinas gratuitas sobrando, os EUA ficaram para trás na taxa de vacinação apresentada por países desenvolvidos e os casos de covid voltaram a crescer no país.

   A Casa Branca atribui o novo surto à variante Delta (indiana), aos não vacinados, que continuam hesitantes, à desinformação sobre as vacinas e à divisão política.

  Números dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), mostram que cerca de 163,8 milhões de pessoas no país estão totalmente vacinadas em uma população estimada em 330 milhões. 

  Funcionários do governo que não demonstrarem ter sido vacinados estarão sujeitos a testes COVID-19 semanais ou duas vezes por semana e restrições a viagens oficiais.

   O governo americano é o maior empregador no país. Segundo a Reuters, os EUA têm cerca de 2,18 milhões de funcionários civis e 570 mil trabalhadores do Serviço Postal, mas estes últimos não serão afetados pelas novas regras. Biden também quer que os militares tomem a vacina.

VACINAÇÃO EM CRIANÇAS  

  Biden quer ainda reabrir todas as escolas no outono. Ele pressiona os estabelecimentos a manter pelo menos um posto de vacinação nas próximas semanas para vacinar crianças de 12 anos ou mais. 

  A Casa Branca também disse que as pequenas e médias empresas serão reembolsadas por oferecerem aos seus trabalhadores licença remunerada para vacinar crianças e outros membros da família. 

   


0 comentários: