IMIGRANTES CUBANOS TOMAM AS RUAS DE MIAMI PARA DENUNCIAR O REGIME DA ILHA!

12.7.21 Simone Galib 0 Comments

   Os protestos inéditos vistos em Cuba neste domingo (11) contra a dura crise provocada pela pandemia e contra o governo ganharam eco nas ruas de Miami.

   O bairro Little Havana, reduto dos imigrantes cubanos na Flórida, foi palco de manifestações com centenas de pessoas portando bandeiras para denunciar o governo comunista da ilha.

  "Os cubanos são dignos e estão prontos para governar a si mesmos, sem tirania", disse o prefeito de Miami, Francis Suarez, que apareceu na manifestação realizada em frente ao Versailles, famoso restaurante cubano do bairro. 

  O governador do Estado, Ron DeSantis, também manifestou solidariedade ao povo cubano no Twitter.

 CULPA DO IMPERIALISMO

  Enquanto isso, em Havana, várias pessoas foram presas pela polícia e apoiadores do regime se misturaram à multidão, gritando palavras de ordem. Um fotógrafo da Associeted Press chegou a ser atingido. 

   O presidente do país, Diaz-Canel foi às ruas da pequena cidade de San Antonio de los Banos, onde também houve protestos. 

    Ele atribuiu parte dos problemas às redes sociais.

  'Como se não houvesse surtos de pandemia em todo o mundo, a máfia cubano-americana, pagando muito bem nas redes sociais influenciadores e youtubers, criou uma campanha e convocou manifestações em todo o país,' disse a repórteres.

   Cuba atravessa uma das piores crises de sua história, agravada pelo coronavírus. O sistema de saúde colapsou, faltam medicamentos e comida. O governo atribui os graves problemas às sanções impostas pelos EUA durante o governo Trump.

  A ilha está sem internet, telefones fixos e a energia foi cortada em Havana para dispersar os manifestantes.





  

0 comentários: