TINA TURNER SE PREPARAVA PARA A MORTE E NÃO A TEMIA!

25.5.23 BLOG SIMONE GALIB 0 Comments

   A morte da cantora Tina Turner comoveu o universo da música. Tão logo foi anunciada no final da tarde de quarta-feira (24), milhares de homenagens se espalharam pelo mundo.

 

   Ela tinha 83 anos e morreu na cidade de Küsnach, perto de Zurique, na Suíca, onde vivia com o marido desde 1995. Depois de se casar com Erwin Bach, em 2013, ela se naturalizou suíça. Eles namoraram por 30 anos.

    Nesta quinta-feira (25), centenas de fãs depositaram flores e velas em frente à sua pitoresca casa, às margens do rio Zurique.

  Amigos e familiares disseram que a morte da cantora foi em decorrência de causas naturais.

  Na verdade, Tina enfrentava problemas de saúde há muito tempo, dizia não temer a morte e estava se preparando mentalmente para a sua passagem.

  Ela lutou contra um câncer de intestino e sofreu de pressão alta por cerca de 40 anos.

  Aliás, foi a pressão alta não controlada que lhe causou problemas renais graves. Em 2017, seu marido Bach doou um rim a ela para transplante. 

  Em suas memórias, Tina revelou ter se inscrito em uma organização de suicídio assistido.

  Tina deixa dois de seus quatro filhos - dois já morreram - e o marido, de 67 anos.


RAINHA DO ROCK´N´ROLL

  Em uma de suas últimas entrevistas, em 9 de abril de 2023 ao jornal inglês The Guardian, ela disse que não temia a morte e que envelhecer não a assustava.

 "Esta é a aventura completa da vida e eu abraço e aceito cada dia com o que ele traz."

  Na ocasião, Tina revelou ainda ao jornal como gostaria de ser lembrada:

  "Como a rainha do rock´n' roll e uma mulher que mostrou às outras mulheres que não há problema em lutar pelo sucesso em seus próprios termos".

  

SUPERAÇÃO E SUCESSO

  Tina Turner nasceu no Tennessee, em 1939. Teve uma infância complicada e quando, adulta, um casamento marcado por sucessivos abusos por parte do então marido Ike.

  Eles se divorciaram em 1978 e Tina falou abertamente sobre as violências sofridas ao lado dele em uma época onde o assunto ainda era tabu.

  Mas, ela superou tudo isso, criou quatro filhos sozinha e entrou para a história da música. No início dos anos 1980, já era uma grande estrela do rock.

  Ao longo de sua bem-sucedida carreira, Tina Turner ganhou oito Grammys de 25 indicações e três prêmios Grammy vitalícios. Seu último show no estádio foi em Sheffield, na Inglaterra, em 2009.











0 comments: